Coisas Judaicas : Israel demite policiais depois do ataque na Parada Gay
[ ]
Latest News Updates
Israel demite policiais depois do ataque na Parada Gay
08/09/15 Posted by Coisas Judaicas

Israel demite policiais depois do ataque na Parada GaySeis policiais israelenses serão demitidos depois do ataque à Parada do Orgulho Gay de Jerusalém, em julho, que resultou em uma pessoa morta e cinco feridas.
De acordo com a Agência France-Presse, uma investigação interna apontou os erros da polícia israelense. “O suspeito do assassinato, que acabava de ser liberado da prisão depois de uma condenação por uma agressão similar durante uma marcha do orgulho gay anterior, pôde chegar ao local do desfile e passar pelos cordões de segurança sem dificuldades, explicou a polícia em comunicado.

O judeu ultraortodoxo Yishai Shlissel, de 39 anos, esfaqueou seis pessoas e matou Shira Banki, de apenas 16 anos.

O homofóbico havia saído da prisão apenas três semanas antes do evento depois de passar dez anos preso por ter feito a mesma coisa: atacado pessoas na Parada do Orgulho Gay de Jerusalém em 2005.

Shlissel, que não demonstrou arrependimento diante do tribunal, foi considerado culpado em 24 de agosto por assassinato premeditado, seis tentativas de assassinato e feridos graves.

Coisas Judaicas

Agradecemos por sua visita! Se você gostou, use um dos botões acima e compartilhe!

Nenhum comentário:

Leave a Reply

Deixe sua opinião

Real Time Web Analytics