Coisas Judaicas : Casamento: compatível com você
[ ]
Latest News Updates
Casamento: compatível com você
09/06/15 Posted by Coisas Judaicas

Casamento: compatível com você

 Por Aron Moss
 
Pergunta:
Minha pergunta é: meus pais não são religiosos, nunca comemos levando em consideração se é casher ou não e nunca respeitamos nenhuma das festas. Não tem nada excepcionalmente judaico na nossa casa. Por que de repente eles são tão judeus quando se trata de casamento? Isso não é totalmente hipócrita? 

Quando lhe perguntei eles apenas responderam: "Isso é diferente," mas isso não faz sentido para mim. Por que ISSO é diferente?

Resposta:
Isso não é simplesmente a pergunta da semana, essa é a pergunta de toda uma geração: Por que o casamento com outras religiões toca no nervo central de muitas pessoas, mais do que qualquer outro assunto judaico?

Sua frustração tem fundamento. Não é lógico seus pais esperarem que o Judaísmo seja importante para você se nunca demonstraram importância para você. Além disso, provavelmente eles não conseguem explicar nem mesmo a si mesmos. Mas eu tenho uma teoria.

Tem uma verdade profunda que de algum modo teus pais aprenderam subconscientemente de seus antepassados e é o seguinte: Judaísmo é quem você é, e não o que você faz.

Não existe tal coisa como um judeu ser mais judeu do que outro. Não importa se você pratica ou não os costumes judaicos, siga ou não as festas judaicas, viva ou não em Israel, coma fígado moído casher ou não... um judeu é um judeu, é um judeu! O Judaísmo é um status irreversível que não é definido pelo meio em que você vive a tua vida.

Um judeu pode estar sentado numa igreja comendo bacon em Yom Kipur (no dia do Perdão) vestido de Papai Noel, mas ele continua 100% judeu. Ele é um bom judeu? Um judeu que tem fé? Um judeu orgulhoso do seu judaísmo? D'us sabe. Mas ele permanece judeu. Porque o judaísmo não é algo que você faz; é algo que você é. Nada que você fizer pode afetar o que você é.

Nada, quer dizer, com uma exceção: com quem você se casa.

A pessoa com quem você se casa se torna parte de você. Casar-se não é um hobby ou uma mudança na sua carreira; significa transformar alguém em parte de tua identidade, e você se tornar parte da identidade dela. Tua esposa preenche um vazio do teu próprio ser, e você preenche um vazio nela. Então o casamento, assim como o Judaísmo, não é algo que você faz, mas algo que você é. Não há absolutamente nada de errado com aqueles que não são judeus. Mas se você se casa com alguém que não é judeu, você continua sendo 100% judeu, mas uma parte de você – sua outra metade – não é. Vocês podem viver felizes juntos. Vocês podem se amar um ao outro. Mas tem uma parte em você que nunca será compartilhada.

Talvez esse seja o desafio de nossa geração: encarar as questões do que significa estar apaixonado, o que significa se casar, e o que significa ser um judeu. E – diferentemente de todas as gerações antes das nossas – conseguir respostas verdadeiras.

Isto pode te interessar:






Coisas Judaicas

Agradecemos por sua visita! Se você gostou, use um dos botões acima e compartilhe!

1 Comentários:

Deixe sua opinião

Real Time Web Analytics