Coisas Judaicas : Soldados israelenses gays conseguem novas conquistas no IDF
[ ]
Latest News Updates
Soldados israelenses gays conseguem novas conquistas no IDF
20/05/15 Posted by Coisas Judaicas

Soldados israelenses gays conseguem novas conquistas no IDF
Casais gays com filhos não terão mais que lidar com situações onde ambos os pais são convocados para o serviço de reservistas do Exército israelense (IDF). O IDF decidiu na semana passada (13/5) formar comitês especiais para lidar com essa questão.


Os comitês vão se comunicar com as unidades do Exército para certificar-se de que as crianças tenham pelo menos um dos pais em casa, evitando situações onde ambos os pais são convocados para servir o Exército na mesma ocasião. Os comitês também vão impedir a inscrição de mães solteiras que tenham crianças pequenas. A decisão ocorreu depois de discussões com o grupo LGBT israelense, chamado Associação de Pais Gays Israelenses.

Durante a operação Margem Protetora, muitos casais foram convocados para as forças de reserva ao mesmo tempo. Eles querem contribuir, no entanto, perceberam que não havia nenhum ajuste com relação aos seus filhos”, disse um porta-voz da Associação de pais gays israelenses a agência de notícias Tazpit. "Decidimos recorrer ao IDF, que colaborou imediatamente. Tivemos algumas reuniões em que o Exército mostrou muito boa vontade em resolver o problema. Os pais não podem deixar seus filhos sozinhos. Levou um tempo até que o exército conseguisse uma solução, mas finalmente decidiram formar comitês especiais", comemorou.

Os israelenses que são elegíveis para o serviço de reservistas podem servir o Exército por um mês em cada ano ou mais, uma vez que já tenham completado seu serviço militar obrigatório. São momentos em que os israelenses ficam longe de suas casas, empregos e famílias. Há situações nas quais o reservista só pode voltar para ficar em casa no máximo dois dias dentro de um mês inteiro.

A decisão complementa a política do IDF de proteção aos direitos dos homossexuais. O IDF é um dos primeiros exércitos do mundo a permitir que homossexuais prestem o serviço militar, desde 1993. O Exército israelense também reconhece cônjuges do mesmo sexo de um soldado falecido, como "viúvas de militares".

Fonte: Tazpit Brasil

Texto: Matti Bemhardt / Tradução: Bruno Scala

Coisas Judaicas

Agradecemos por sua visita! Se você gostou, use um dos botões acima e compartilhe!

Nenhum comentário:

Leave a Reply

Deixe sua opinião

Real Time Web Analytics