Coisas Judaicas : Intolerância dos judeus ultraortodoxos
[ ]
Latest News Updates
Intolerância dos judeus ultraortodoxos
15/05/15 Posted by Coisas Judaicas

Intolerância dos judeus ultraortodoxos
 
Todos os anos, como parte da celebração do Lag Baomer no bairro ultra-ortodoxo de Mea Shearim, em Jerusalém, queimam a bandeira israelense em sinal de protesto contra o sionismo.

Nas imagens do fotógrafo Jacob L. aparece um dos seus filhos quando queima a bandeira de Israel na frente de todas as crianças e os rabinos da Yeshivah Talmud Torah.
Intolerância dos judeus ultraortodoxosIntolerância dos judeus ultraortodoxosDurante a queima da bandeira foram entoados cânticos e um rabino foi visto dirigindo a criança e explicando-lhe como queimar a bandeira de Israel completamente.


Description: Macintosh HD:Users:osiaswurman:Dropbox:Capturas de tela:Captura de tela 2015-05-12 16.53.09.pngDescription: Macintosh HD:Users:osiaswurman:Dropbox:Capturas de tela:Captura de tela 2015-05-12 16.50.37.png
Mas não é só em Jerusalém que bandeiras de Israel são queimadas por “JUDEUS” fanáticos.

Em 6 de maio de 2015, no centro de Miron Drive, um bairro habitado por judeus antissionistas de Nova Iorque, uma bandeira israelense foi queimada durante a celebração do Lag Baomer, liderada pelo rabino Moses Brown, e com a participação de centenas de membros da comunidade Satmar.



Os seguidores do rabino de Satmar,  são provenientes da cidade de Satu Mare, na Romênia, onde foi fundado o movimento, em 1905, pelo rabino Joel Teitelbaum . 

Na sequência da Segunda Guerra Mundial foi restabelecida em Nova York, tornando-se um dos maiores movimentos chassídicos do mundo. Após a morte de Joel, ele foi sucedido por seu sobrinho, Moshe Teitelbaum .Desde a morte deste último, em 2006, a dinastia é dividida entre seus dois filhos: Aaron Teitelbaum e Zalman Teitelbaum .

Coisas Judaicas

Agradecemos por sua visita! Se você gostou, use um dos botões acima e compartilhe!

Nenhum comentário:

Leave a Reply

Deixe sua opinião

Real Time Web Analytics