Coisas Judaicas : Chefe de polícia em Israel pede revisão das políticas do país quanto ao uso da maconha
[ ]
Latest News Updates
Chefe de polícia em Israel pede revisão das políticas do país quanto ao uso da maconha
13/05/15 Posted by Coisas Judaicas

Chefe de polícia em Israel pede revisão das políticas do país quanto ao uso da maconha

O chefe de Polícia israelense Yohanan Danino, ao conversar com estudantes em uma escola na cidade de Beit-Shemesh nesta quarta-feira, 13 de maio, disse que é a favor de reavaliar as políticas do Estado quanto ao uso da maconha.

Em uma sessão de perguntas e respostas com os estudantes, Danino afirmou que é a favor de analisar como outros países abordam a questão da erva. Ele disse também que o número de licenças para o uso medicinal de maconha aumentou, o que requer uma nova análise da situação.

Danino também disse que conversou com novos membros do parlamento israelense e sugeriu que reavaliassem a política na qual foi investido muito esforço e uso policial para banir o uso de maconha.
O chefe de polícia não seria a primeira figura pública a argumentar em favor de uma mudança na estratégia em relação à maconha em Israel. Alguns membros do parlamento, tanto de direita quanto de esquerda, são defensores deste argumento. “Numa conversa com o chefe de polícia, nós chegamos a um esboço que iria abolir as leis que incriminam usuários de maconha, desde que eles sejam cidadãos dentro da lei”, disse à Tazpit o parlamentar do partido Jewish Home, Yinon Maga, que é fortemente a favor da legalização.

Tamar Zndberg, membro do parlamento que tem liderado a luta pela legalização na Assembleia por muitos anos, disse à Tazpit que “chegou a hora de fazer uma mudança significativa no que concerne o uso da maconha. “O público passou a entender que usuários de maconha são cidadãos normais que não estão prejudicando ninguém, e que não têm motivo nenhum para os perseguir e incriminar. Chegou a hora de os oficiais eleitos mudarem as leis quanto a esse assunto,” disse Zandberg.

A discussão quanto à legalização em Israel é de longa data. Apesar de que a erva não é legal em Israel, a maconha para fins medicinais está disponível para pacientes qualificados, tais como aqueles que sofrem de câncer e esclerose múltipla. Além disso, o uso de maconha não é normalmente punido por posse de menos de 15 gramas. O ex-procurador geral Meni Mazuz disse em 2013 que orientava para que não se lidasse com as chamadas drogas leves, já que seria um desperdício de recursos policiais.

Um partido político liberal chamado Ale Yarok (Folha Verde), que advoga a legalização da maconha, existe em Israel desde 1999, e por pouco não conseguiu cadeiras no parlamento nas últimas eleições. No entanto, uma pesquisa publicada pelo website israelense de notícias Mako no ano passado mostrou que a maioria dos israelenses ainda é contra a legalização, com 56% dizendo que a maconha não deveria ser legalizada, e apenas 33% apoiando tal iniciativa. Os próximos meses mostrarão se a abordagem de Danino terá algum efeito na posição do novo governo em relação ao assunto.

Fonte: Tazpit Brasil / Texto: Matti Bernhardt e Ehud Amiton/ Tradução: Rafael Correia

Coisas Judaicas

Agradecemos por sua visita! Se você gostou, use um dos botões acima e compartilhe!

Nenhum comentário:

Leave a Reply

Deixe sua opinião

Real Time Web Analytics