02/04/2015

Israel aprova construção de 2.700 casas para palestinos em Jerusalém

Israel aprova construção de 2.700 casas para palestinos em JerusalémIsrael aprovou a construção de 2.700 casas para palestinos em Jerusalém, maior plano urbanístico maior para esta comunidade, que vive principalmente na parte oriental da cidade, desde 1967. 

O projeto foi aprovado pela Comissão Urbanística da Prefeitura de Jerusalém e 2.500 casas serão construídas no bairro de Yabel Mukaber, no sudeste da cidade, segundo informou nesta quarta-feira a edição digital do jornal "Haaretz". Segundo o arquiteto Sennan Abdelkader, responsável pelo projeto, ativistas de direita tentaram bloqueá-lo durante a votação, como vinham fazendo nos últimos quatro anos. 

The new way to meet Jewish singles- Try a free membership nowO plano, de incomum envergadura em uma zona palestina da cidade santa incluirá parques, zonas de lazer, colégios e espaços públicos, que costumam ser raros no leste de Jerusalém. 

O prefeito Nir Barkat, que já tinha tentado promover o projeto em seu mandato anterior, considera a iniciativa um passo importante para melhorar a qualidade de vida dos moradores de Jerusalém Oriental, segundo informou o diário. 

Cercado por de três bairros judeus, Yabel Mukaber se encontra sobre território ocupado por Israel em 1967, mas faz parte do perímetro municipal anexado três décadas depois, procedimento legal e político que a comunidade internacional não reconhece. EFE elb/dk

SHARE THIS

Author:

Dúvidas, sugestões de pautas, críticas, publicidade, parcerias, etc. Entre em contato pelo seguinte email: coisasjudaicas@gmail.com

Um comentário:

  1. Parabéns para o prefeito Nir Barkat pela iniciativa. Uma notícia alvissareira. Que outros projetos venham a ser executados, com a maior brevidade possível. Palestinos e judeus devem e podem promover a paz.

    ResponderExcluir

Deixe sua opinião