Sempre que nos aproximamos de Pessach, lembramos a importância da liberdade. 

A liberdade. Pessach Sameach!
Este ano, esta palavra adquire um significado ainda maior na medida em que assistimos a um crescente número de países cerceando a expressão do pensamento, ações inconcebíveis de profanação do sagrado e terroristas que ultrapassam os mais profundos limites da agressividade humana.

A liberdade não pode se tornar uma arma para justificar genocídios; tampouco a democracia pode ser manipulada em prol de ideologias extremistas e preconceituosas.

Esperamos que o mundo realmente se conscientize de que os radicais de hoje serão os assassinos de amanhã. E que se Israel sempre foi um dos alvos, o mundo civilizado poderá se tornar a próxima vítima.

Coisas Judaicas

Coisas Judaicas

Blog Judaico - Tudo sobre Israel, judaísmo, cultura e o mundo judaico

Deixe seu comentário:

0 comments: